-
Conheça a história do Município de Ponte Branca
Imprimir

Ponte Branca, teve origem no ano de 1905, com o estabelecimento de Luíz Nogueira da Silva, em fazendas de gado. 

Em 1907, João Ribeiro, procedente de Goiás, deu mais vida ao lugar, que recebeu o nome de Alcantilado do Araguaya, cuja denominação sobreviveu até o ano de 1935. 

No dia 2 de fevereiro de 1935, Simeão Martins Teixeira, procedente de Ituiutaba , Minas Gerais, além da intenção de explorar o leito do Rio Araguaia em busca de diamantes, trazia a incumbência do Interventor de Goiás, Pedro Ludovico Teixeira, de construir uma ponte de madeira sobre o Araguaia, para facilitar o trânsito entre os dois estados vizinhos. 

Simeão deu cumprimento à empreitada, tendo efetivamente levantado a ponte, mas, ela foi destruída por uma enchente antes mesmo da entrega ao Interventor goiano. Simeão construiu, então, outra ponte, provisória, que só dava passagem em determinada época do ano. Desta feita foi empregada como matéria prima na construção da ponte um tipo de madeira branca. 

A partir daí o lugar passou a ser denominado de Ponte Branca. Existe, porém, outra versão sobre a origem do nome da cidade pois a ponte teria recebido uma pintura a cal, passando a ser chamada de Ponte Branca. 

O Decreto nº 760, de 17 de setembro de 1945, determinou a reserva de uma área de 3.600 ha para constituição do patrimônio de Ponte Branca.O município foi criado pela Lei nº 652, de 01 de dezembro de 1953.